sábado, 25 de maio de 2013

Só falta você chegar!


No último post que fiz, estávamos com 7 meses.

Agora, vejam só, o tempo voou e já completamos nossa trigésima oitava semana, dando entrada oficial naquele período em que qualquer hora, pode ser a hora da chegada da nossa filhota.

Nestes dois meses de ausência, um monte de coisa legal aconteceu.

Fizemos o nosso “Chopp de Bebê”, reunindo amigos e familiares para celebrarmos a chegada da nossa menina com muita brincadeira, presentes e gente querida.

Convidamos - e tivemos o prazer de ver nosso convite aceito – aqueles que serão os padrinhos da Clara, meus irmãos Deyse e Josué.

Compusemos uma marchinha para nossa filha.

Fizemos um lindo ensaio fotográfico com a minha querida amiga de longa data Priscila Resende. Sim, xará da mamãe!

Já lavamos as roupinhas da nossa filhota e já preparamos a malinha dela para a maternidade. Aliás, a mala que o papai vai usar para trocar nossa menina nos fraldários do mundo, pois a mamãe irá usar a sua mochila, mas eu fiz questão de comprar aquelas malas clássicas, grandona e cor de rosa, bem linda, para combinar com a lindeza da nossa Clarinha.

A vovó Teresinha já preparou as lembrancinhas do nascimento.

O pré-natal, que até a trigésima sexta semana era mensal, agora é semanal.

Fizemos um bolão entre os amigos para tentarmos adivinhar em qual dia a nossa menina vai resolver pular para o lado de cá da barriga.

Meus quatro irmãos nos deram de presente o que faltava, o carrinho e o bebê conforto.

E curtimos cada dia, cada novidade, cada descoberta com a mesma intensidade.

Foram os nove meses mais intensos da minha vida, os mais bonitos, os mais verdadeiros e, mais do que isso, sei que toda essa intensidade que vivenciamos é só a introdução de toda a transformação que vamos viver daqui pra frente.

Fomos privilegiados por uma gestação tranquila. Tiveram alguns enjoos, algumas infecções urinárias, mas nada que tenha prejudicado ou colocado em risco a nossa gravidez.

Eu sou um privilegiado por ter tido a sorte de passar por uma experiência tão linda ao lado de uma mulher tão especial quanto a Pri. Companheirismo, cumplicidade, amizade, carinho, amor, paixão, e agora MÃE, são palavras que, quando no dicionário, deveriam vir acompanhadas de uma foto da Priscilla. Esta mulher tão especial está todos os dias me ensinando a ser um homem melhor, me preparando para ser o pai que a Clara merece e vai ter.

Muito obrigado, meu amor!

Agora, nestes dias que são cheios de ansiedade, ficamos só observando a barriga – que está enorme! – percebendo como ela está começando a ficar mais baixa, sinal evidente de que não falta muito para pegarmos nossa pequena no colo.

Estamos felizes, estamos ansiosos, estamos apaixonados e, mais do que tudo, ESTAMOS PREPARADOS!

Clarinha, a vida do lado de cá da barriga nem sempre é fácil, mas é linda e pode ser muito divertida, só depende de nós. Pode vir tranquila, pois carinho, amor, proteção e incentivo nunca irão te faltar. Estamos de braços, corações, casa, nossas vidas estão de braços abertos para te receber. Já não falta mais nada, só falta você chegar!

Pode vir, nossa filha tão amada, que a casa é sua!



2 comentários:

Priscila disse...

ai que emoção!!

António Jesus Batalha disse...

Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom,
li algumas coisas folhe-ei algumas postagens,
gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha.
Deixo-lhe a minha bênção.
E que haja muita felicidade e saúde em sua vida e em toda a sua casa.
PS. Se desejar seguir o meu blog,Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir.