terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Dá licença, sou pai!


Apesar de algumas diferenças ideológicas, que jamais diminuiram o tanto que sempre gostei da minha querida amiga Xixa, ela fez algumas considerações interessantes acerca do meu último texto.

Linkou em seu comentário alguns textos sobre o tema, se valeu de alguns argumentos que tenho verdadeira repulsa, outros que concordo plenamente, mas no fim o que interessa é que somos duas pessoas que por caminhos diferentes, buscam um mesmo destino.

De fato, é preciso mais do que um texto num blogue de audiência mediana, para participar ativamente da busca por uma licença paternidade maior. Logo, além do texto, deixarei permanentemente ali no cantinho direito do blogue, ao lado das postagens, um link onde todos vocês, queridos leitores, podem clicar e participar de um abaixo assinado que visa ampliar de 5 para 30 dias a licença paternidade.

Participem, os papais agradecem!

Um comentário:

Profª Gisele disse...

David, em nenhum momento quero diminuir e nem convencer de nada, mas acho que estamos aí na vida para isso, e como sou chata de nascença incomodo mesmo! Beijocas!!!!!!